Good luck Roberta

8 fev

Por motivos que ficarão claros depois, recomento o filme Good Luck Chuck (nitidamente de onde tirei o título!)

Pois é, tô pensando em fazer o roteiro de um longa: Good luck Roberta (em português não funciona, sorry! sem tradução!)

Resumindo a parte que interessa do filme: é a história de um cara que sempre depois que uma mulher transa com ele ela encontra o amor da vida dela.

Okay, comigo não é tão assim! Até onde eu saiba! rs

O negócio é o seguinte, os caras que eu me envolvi (passado, amém! freedom no presente!) por algum motivo que eu não sei, sempre tiveram algum anseio profissional que eles temiam enfrentar, sei lá, que eles não iam adiante, tinham medo e tal. Ex. um deles queria muito se mudar para SP, mas tinha medo de arriscar. Depois que terminei, ele foi chamado pra ir lá, sem nem procurar.

É um exemplo pontual, mas não vou falar de todos os casos. Mas é isso, Good Luck Roberta, faz sua vida profissional melhorar. Fico feliz por eles, pelos exs, o problema é que eu só participo da parte cansativa, desgastante, de levantar a moral do cara, de fazer ele acreditar nele, no trabalho dele e tudo mais. E na hora de tomar o chopp pra comemorar, oi? Não tô mais lá.
Pode soar egoísta isso, mas juro que não é.

Sei que pensei nisso hoje por mais um caso isolado que fiquei sabendo, do caso mais recente, e dessa vez fiquei chateada, pois era para eu estar lá, comemorando. Não posso reclamar pois eu não quis estar lá. Mas acho que eu gostaria que as coisas tivessem dado certo um pouquinho antes do que deram. Ou que ele tivesse a dignidade de me contar que deram.

Feliz por eles que tiveram sorte comigo em suas vidas e sei que pode e deve ser só coincidência, mas gosto de acreditar que tive um dedinho, pelo menos na parte de incentivar, de mostrar como o trabalho deles era bom e deveria ser mostrado. Até porque, naquele momento mais dificil, eu era quem tava ali do lado.

Mas, sorte mesmo teve a próxima namorada, que viu ele ganhar os parabéns ao invés de ter que limpar as lágrimas dele quando sentia medo.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: